Cachaça Chapada Das Geraes 700ml

Código: 7899839100042 Marca:
R$ 53,99
Comprar Estoque: Disponível
  • R$ 53,99 Boleto Bancário
  • R$ 53,99 American Express, Visa, Diners, Mastercard, Aura, Hipercard, Elo
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

Cachaça Chapada das Geraes

 

Elaborada em Itatiaiuçu, MG e envelhecida no carvalho 3 anos. Graduação alcoolica de 40% e uma delícia no paladar.

 

Produzida em Itatiaiuçu, região reconhecida por ter um clima propício à produção da aguardente, a cachaça Chapada das Geraes tem uma trajetória que reflete a de muitos produtores mineiros e, também, de brasileiros. Uma história que começa com um sonho: produzir cachaça e viver do negócio, fortalecendo, também, a economia da região em que é fabricada.

 

O produtor Paulo Mourão acreditando no seu sonho, buscou informações, estudou sobre o assunto, se capacitou fazendo cursos na Ampaq, procurou assessoria para o negócio e escolheu o local ideal para instalar o seu futuro alambique de forma a facilitar o processo de fabricação.

 

Assim, em 1999, deu início às obras do alambique, que sofreram as dificuldades pela falta de recursos e, buscou então, investidores que compartilhassem dos mesmos ideais e ajudando com o necessário para sua conclusão.

Mourão vivenciou a angústia da espera, capital reduzido e muito trabalho no acompanhamento e supervisão das obras. A falta de tempo reduzia as suas visitas nos finais de semana.

No avanço do sonho, a busca de conhecimento sobre a melhor cana que se poderia ambientar ao clima e ao solo da região; a preparação correta do terreno e o plantio; mais a espera de dois anos para a cana amadurecer, causavam-lhe grande expectativa e ansiedade em torno da preparação da primeira alambicada.

O processo de fabricação, narra ele, começa com a colheita do milho produzido na fazenda, que é transformado em fubá grosso no moinho, ao qual se adiciona um segredo dos mestres alambiqueiros para a preparação totalmente artesanal do fermento natural, curtido por dez dias. Em seguida, a moagem da cana e a correção do teor de Brix da garapa, mais a fermentação por 24 horas. Depois, encher o alambique, acender a fornalha com o próprio bagaço da cana e, ao ver pingar as primeiras gotas, no inverno de 2004, Paulo Mourão finalmente testemunhou o

nascimento da Chapada das Geraes.

 

No processo de alambicagem, que separa a cabeça e a cauda, com aproveitamento do coração, são aproveitados em média 80 litros do produto e armazenados em tonéis de

madeira por no mínimo três anos. Enquanto isso, o produtor sofre observando as perdas por evaporação na armazenagem, torcendo para que seja a quota do santo para abençoar a Chapada das Geraes.

No armazenamento, é preciso fazer verificação constante na adega “e só usar cera de abelha ou espinho para fechar qualquer vazamento que surja nos tonéis”. Em seguida cada lote da cachaça é padronizado e uma amostra é levada para laboratório, para ser analisada em mais de 20 quesitos, e, assim obter certificado de qualidade que é essencial para a comercialização do produto e conquistar uma fatia deste tão concorrido mercado.

Mas o trabalho continua. É hora de filtrar a cachaça já aprovada e colocá-la em garrafas, novas e higienizadas.  A Chapada das Geraes é engarrafada manualmente uma a uma, fechada, rotulada e colocada na embalagem final, uma caixa com doze unidades. Depois viajar para o alambique e fazer o transporte, preparar, transportar, carregar com os próprios braços, descarregar e carregar novamente para entregar nos pontos de venda e distribuição, quando o produtor já consegue penetração no mercado.

Na sequência das preocupações, o produtor deve se preparar para as periódicas inspeções do Ministério da Agricultura e da Feam, enquanto investe em melhorias e manutenção permanente nos equipamentos do alambique e na área de plantio. Sem deixar de lado cursos de

aperfeiçoamento com foco na qualidade da cachaça e a participação em seminários e congressos do setor e/ou produto, principalmente em Minas Gerais. Com eles, aprofunda-se os seus conhecimentos sobre processo e o negócio conseguindo abrir novos mercados, tornando sua marca conhecida, apreciada e respeitada.

Para isso, muita vontade de realizar o sonho, “não desanimar nunca, buscar ajuda, trabalhar, trabalhar e trabalhar. A perseverança no sonho é fundamental”, diz Mourão, “para que ele se transforme em realidade. E mesmo com todas as dificuldades, é preciso sempre acreditar que é possível conseguir”.

 
R$ 53,99
Comprar Estoque: Disponível
Sobre a loja

Desde 2013, somos o mais completo empório de alimentos artesanais e de pequenas indústrias familiares do ABC. Por meio de uma seleção criteriosa, chegamos ao que há de melhor em cada segmento alimentar. E entregamos a você com todo o saber que esse alimento carrega. Em nossa loja física em São Caetano do Sul ou online em múltiplos canais. Ambos com um atendimento primoroso.

Pague com
  • Pagar.me V2
Selos
  • Site Seguro

Os Legítimos Quitutes de Minas Alimentos Eireli - CNPJ: 18.000.135/0001-12 © Todos os direitos reservados. 2021